Blog

  • Aquabel_informe_Mapa
    Permalink Gallery

    Líder nacional na produção de alevinos de tilápia comemora 20 anos de atividade

Líder nacional na produção de alevinos de tilápia comemora 20 anos de atividade

Fonte: Revista Panorama da Aquicultura.
Tente imaginar como uma fazenda referência em cultivo de arroz, detentora de alta tecnologia de produção desse cereal, tornou-se o maior empreendimento em reprodução e melhoramento genético de alevinos de tilápia do país. É uma história de inovação, empreendedorismo e muito trabalho que você conhecerá agora.

Em 1992, Ricardo Neukirchner assumiu a administração da Fazenda Belmonte, no município de Rolândia/PR. Recém-formado em agronomia, Ricardo pretendia dar continuidade à tradição e legado tecnológico do cultivo do arroz, quando descobriu que o negócio era deficitário. Tornava-se urgente inovar e diversificar os negócios.

Diante da abundância de água decorrente do cultivo do cereal, Ricardo tomou a iniciativa de iniciar um empreendimento de engorda de tilápias, pois percebeu que havia um futuro promissor nessa área, baseado em experiências observadas no exterior. De imediato, enfrentou todas as dificuldades de um setor incipiente e percebeu a janela de oportunidades que havia na área de alevinos, uma vez que não havia profissionalismo para um fornecimento estável deste produto durante todo o ano, e não se falava em melhoramento genético.

Em 1993 convidou seu principal fornecedor de alevinos e grande conhecedor do assunto (o técnico em piscicultura Cláudio L. Batirola) para criar uma empresa cuja missão era ser reconhecida como líder em tecnologia genética, produção e distribuição de alevinos. Assim, nasceu o desafio. Desde sua fundação, em 1994, a Piscicultura Aquabel desempenha importante papel no cenário nacional da aquicultura, devido à sua atuação norteada pelos ideais dos fundadores e uma profunda crença no mercado. Segundo Ricardo Neukirchner “a tilápia tem potencial para competir com o frango”, diz.

Pioneirismo

Nos primeiros anos os sócios enfrentaram as dificuldades típicas de uma atividade em formação: mercado consumidor instável, dificuldades técnicas, burocracia excessiva para importar tecnologia, [...]

  • 20140404_175538
    Permalink Gallery

    Mega aquário de 15 mil litros é novidade deste ano na ExpoLondrina

Mega aquário de 15 mil litros é novidade deste ano na ExpoLondrina

“Um aglomerado de pessoas próximo à selaria logo denuncia que há uma novidade. O mega aquário de 15 mil litros com visão para os quatro lados é uma das grandes atrações da 54ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina e tem chamado a atenção dos visitantes. “A ideia é fomentar a piscicultura para que o público conheça o papel do profissional e sua função. Afinal, é por meio dele que o consumidor tem o peixe na mesa”, afirma o diretor de aquicultura da Sociedade Rural, Ricardo Neukirchner.

As crianças logo ficam encantadas. Rebeca Lança tem oito anos e ficou fascinada pelos peixes. “Vim com meu pai e minha mãe e achei o aquário muito legal. Eu gostei dos grandes”, diz a menina. A mãe trouxe a filha pela primeira vez na exposição deste ano. “É muito bacana conhecer como são os peixes. A maioria a gente só conhece por nome”, afirma Edna Lança, microempresária de Londrina.

O diretor de aquicultura comemora o sucesso e diz que o interesse dos pequenos s é benéfico porque influencia na educação. “Isso traz consequências futuras. Quando a criança começa a gostar da natureza desde cedo, com certeza vai ter uma educação ambiental”.

Tilápia, pintado, cachara, pacu e dourado são alguns peixes que podem ser vistos dentro do aquário. “Trouxemos a tilápia porque é o peixe mais consumido no Brasil e no mundo, até por ter um filé sem espinho e sabor suave”, explica. Mas logo se vê que o pirarucu rouba a cena. O peixe de 25 quilos tem apenas um ano e meio e já é o ‘rei’ do pedaço. “Esse peixe vai crescer mais, vai chegar a 300 quilos”, garante.

Produção no Paraná

O hábito de [...]

Aquário leva setor do peixe à ExpoLondrina

“A feira é agropecuária, mas não se restringe à lavoura e ao pasto. Um aquário de 12 mil litros insere a piscicultura na 54ª ExpoLondrina – que começa quinta-feira (3) e segue até dia 13, no parque Ney Braga, em Londrina. A divulgação da atividade é um estímulo à produção, conforme a Sociedade Rural do Paraná (SRP), responsável pela feira.

“O aquário será uma vitrine para a piscicultura. Quem quiser ingressar na atividade, e o público em geral, terá acesso a informações técnicas”, afirma Ricardo Neukirchner, produtor e diretor de aquicultura da SRP. Palestras serão ministradas por técnicos da Emater e da Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab). Integrantes do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) farão esclarecimentos.

A estrutura será permanente no parque. No total, foram investidos R$ 120 mil na construção do aquário, que reúne tilápia, pirarucu, pacu, piapara, pintado de até 30 quilos. O Norte do Paraná planeja expandir a produção de peixes no Rio Paranapanema.

O produtor Darci José Backes cria tilápia há mais de 20 anos na região de Toledo (Oeste) e confirma que o setor atravessa um bom momento. Trabalha com ciclo completo, da produção de alevinos até a engorda e o abate. Com a escassez de peixes de água salgada, a criação em cativeiro cresce continuamente, relata.

Palestras mostram importância da genética

A piscicultura terá um dia inteiro de programação na ExpoLondrina. A partir das 9 horas do dia 8, os participantes assistirão a duas palestras no Recinto Milton Alcover e farão visita orientada ao estande que reúne informações do setor. O Seminário Estadual de Aquicultura vai mostrar a importância do avanço em genética. Depoimentos de piscicultores ajudarão a esclarecer dúvidas sobre a atividade. “Para ter o crescimento [na atividade] [...]

  • Negócios da Terra
    Permalink Gallery

    Região Norte do Paraná é a maior criadora de alevinos do País

Região Norte do Paraná é a maior criadora de alevinos do País

Rede Massa SBT – Negócios do Campo
O programa Negócios do Campo da Rede Massa de televisão destacou a grande importância da região norte do Paraná na produção de alevinos para todo o Brasil.

Fonte: Rede Massa – Negócios da Terra

Por |fevereiro 5th, 2014|Noticias|0 Comentários|

Aquabel é sucesso em novos projetos

Os novos projetos da Aquacultura, Projeto + Lucro Aqua e Ser Conta-Chave Aqua, introduzidos em novembro, incentivaram o mercado a assumir um novo momento, de entender e adotar o conceito vacinal para Tilápias em maior escala e com maior cobertura de território.

“Tínhamos como ideal que produtores de tilápias juvenis possuem o alto potencial de serem fornecedores de animais resistentes aos produtores de engorda. Este conceito já é padrão de produção para outras modelos de produção animal, a exemplo de aves, suínos e bovinos. E assim vínhamos trabalhando o mercado. Conseguimos por meio de planejamento, incentivo, e estímulo do mercado de forma técnica e comercial, com os projetos citados acima, organizar uma estrutura forte e consistente para a região de Santa Fé do Sul, em São Paulo”, explicou o Coordenador de Território, João Felipe Moutinho Sant’Anna.

A empresa Aquabel é um bom exemplo do sucesso da implementação desses projetos. “A Aquabel instalou-se em 2013 na região para a produção de juvenis. Iniciamos as abordagens técnicas, ajudando a empresa a repassar o conceito para a equipe interna e proprietários e, o mais importante, trouxemos valor à empresa de ser os primeiros fornecedores de animais resistentes/vacinados da região. Os gestores visualizaram as oportunidades, inclusive financeiras, e juntos conseguimos organizar um modelo de atendimento na região”.

De acordo com João Felipe, o foco da empresa Aquabel é, atualmente, fornecer juvenis vacinados. “Para isto já qualificamos a equipe por meio de treinamento teórico e prático das pessoas envolvidas no processo de vacinação. O objetivo é de que todos entendam o processo e se comprometam em fazer da melhor forma. Foram contratadas cinco pessoas para vacinar os peixes, assegurando o melhor desempenho, pois a principal finalidade é atender cerca de oito produtores diretos da região, que poderão consumir, aproximadamente, 500mil doses/mês”.

O Coordenador acredita que esse é um belo exemplo de agregar valor [...]

Por |fevereiro 4th, 2014|Noticias|0 Comentários|

Participação da Aquabel em visita oficial à Israel

Entre os dias 8 a 13 de junho de 2013, uma missão do Governo Brasileiro para o setor da pesca e aquicultura foi à Israel para conhecer as experiências de um país que, mesmo sem água em abundância, é referência mundial em Aquicultura. A Aquabel esteve presente, na pessoa de seu diretor Sr. Ricardo Neukirchner.

Eles utilizam a escassa água de forma racional e com o emprego de alta tecnologia para garantir o desenvolvimento dos peixes. A piscicultura é uma atividade econômica muito importante para o Israel. Um exemplo a ser seguido.

Foi uma oportunidade única de conhecer as melhores empresas de Israel de uma vez só. Por vários dias, a delegação brasileira visitou diversas empresas e fazendas, para conhecer e verificar ações e novas tecnologias que podem ser empregadas no Brasil.

Ao final, foi assinado na Embaixada do Brasil, em Tel-Aviv, pelo Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural de Israel e o Ministro de Estado da Pesca e Aquicultura do Brasil, Sr. Marcelo Crivella, um  acordo de  colaboração entre o Brasil e Israel. 

Estavam presentes nessa missão diversas autoridades, o que demonstra a importância estratégica da missão e o prestígio que a piscicultura tem dentro do Governo federal, por se tratar de atividade econômica essencial e em franco crescimento.

Dentre muitos participantes, destacamos:

Marcelo Crivella, Ministro da Pesca e Aquicultura;

Senador Wilder Pedro de Morais (GO);

Senador João Vicente Claudino (PI);

Senador Benedito de Lira (AL);

Deputado Cleber Verde (MA)

Deputado Onyx Lorenzoni (RS);

Deputado Carlos Alberto de Sousa Rosado (RN);

Deputado Giacobo (PR);

Deputado Abelardo Luiz Lupion Mello (PR).

Os Senadores e Deputados retornaram da viagem convencidos de que o setor de piscicultura merece atenção e tem potencial para ser um dos alicerces econômicos do Brasil, tal como o frango e o boi.  Além de conhecer diferentes tecnologias, um [...]

Por |novembro 29th, 2013|Noticias|0 Comentários|

Aquabel participa na 4ª Conferência Mundial da Tilápia

Nos dias 16, 17 e 18 de outubro, a cidade do Rio de Janeiro sediou a 4º Conferência Mundial da Tilápia, organizada pela INFOPESCA (entidade intergovenamental latino-americana para promoção da pesca e aquicultura), Governo do Estado do Rio de Janeiro, MPA – Ministério da Pesca e Aquicultura e a FAO – Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação.

Reuniram-se 370 pessoas de 15 países para discutir o futuro da produção de tilápias no mundo, com foco especial no Brasil, onde 50% da produção e consumo doméstico de peixes são dessa espécie.

Temos potencial para produzir de 20 milhões de toneladas de tilápia por ano, o que nos posicionará com um dos maiores produtores mundiais, relatou o Ministro da Pesca e Aquicultura Marcelo Crivella, na cerimônia de abertura.

A Aquabel esteve presente no evento e participou nas discussões sobre o desenvolvimento do mercado nacional de tilápia, cujo valor anual é estimado em R$ 1,3 bilhões de reais e corresponde a 40% da aquicultura continental do país.

Essa conferência deu continuidade aos trabalhos realizados no evento anterior, que ocorreu em Kuala Lumpur, em 2010.

Fontes:

http://www.rj.gov.br/web/sedrap/exibeconteudo?article-id=1764295

http://marcelocrivella.com.br/site/2013/09/o-mundo-precisa-de-tilapia-diz-crivella/

Por |novembro 7th, 2013|Noticias|0 Comentários|

Laboratório de Melhoramento Genético Aquabel

O aumento da renda per capita e a razoável estabilidade econômica e política do país nas últimas décadas, contribuíram para o aumento do consumo de peixes no mercado interno. Em resposta ao aumento da demanda, o setor de piscicultura cresce proporcionalmente e os produtores buscam formas de atender o mercado e melhorar os resultados financeiros de seus empreendimentos.

Sabemos o quanto o melhoramento genético impacta positivamente tanto em produção quanto em margens de lucro. É resposta para a questão “como produzir mais filé por carcaça, no mesmo tempo e com o mesmo investimento em insumos?”.

A Aquabel atua continuamente em melhoramento genético desde sua fundação e, no corrente ano, concretizamos um passo fundamental para o futuro da aquicultura brasileira: inauguramos nosso centro exclusivo para melhoramento genético contínuo da Tilápia Premium Aquabel, na cidade de Ilha Solteira/SP.

Firmamos parceria para aquisição de tecnologia e transferência de know how com a empresa chilena Aquainnovo, líder do setor na América do Sul, e aumentamos nossa equipe de pesquisa e desenvolvimento, liderada pelo Dr. Diones Bender Almeida, que concluiu seu pós-doutorado em genética de peixes.

Almejamos com isso, continuar contribuindo decisivamente para a evolução da piscicultura nacional.
Ricardo Neukirchner – Diretor

Por |novembro 5th, 2013|Noticias|0 Comentários|
  • ricardo_alltech
    Permalink Gallery

    Ricardo Neukirchner participa no simpósio da Alltech em Lexington (Kentucky, EUA).

Ricardo Neukirchner participa no simpósio da Alltech em Lexington (Kentucky, EUA).

Matéria publicada no site da Sociedade Rural do Paraná, em 03/06/2013 – acesso ao site.

DIRETOR DA SRP PARTICIPA DE EVENTO NOS EUA

O diretor de Aquicultura da Sociedade Rural do Paraná, Ricardo Neukirchner, foi o único palestrante brasileiro da área de aquicultura do 29° Simpósio Internacional Anual de Agronegócios da Alltech, realizado entre os dias 19 e 22 de maio último em Lexington (Kentucky, EUA).

O evento contou com 2.500 participantes oriundos de 75 países. Neukirchner participou como diretor da SRP e como presidente da Associação Brasileira de Criadores de Tilápia.

Debatendo o tema por quatro dias, quando teve oportunidade de discutir o setor com grandes conhecedores da área em seus respectivos países, o diretor da SRP avalia que o Brasil vai se tornar um dos três maiores produtores de peixe em pouco tempo. “Temos todas as condições para isso. Contamos com 13% da água doce e mais de 7 mil quilômetros de litoral, além de temperaturas da água doce ideais, áreas disponíveis e o menor custo de produção do mundo”, constata Neukirchner.
Segundo ele, o consumo de peixe no Brasil também está crescendo. Hoje, o consumo per capta é de 7,3 quilos/ano. O recomendado pela Organização Mundial de Saúde é 12 quilos/ano. Neukirchner informa ainda que, atualmente, de cada dois quilos de peixe consumido no mundo, um quilo (50%) já é proveniente de cativeiro.

Israel
O diretor da SRP fará parte da missão do Ministério da Pesca e Aquicultura, que viaja a Israel de 9 a 15 de junho. O objetivo é conhecer a piscicultura daquele país, considerada bastante avançada e uma das mais intensivas do mundo graças à utilização de muita tecnologia. A missão será chefiada pelo ministro Marcelo Crivella.

  • ricardo_presidente_dilma
    Permalink Gallery

    Ricardo Neukirchner, diretor da Aquabel, profere palestra de lançamento do Plano Safra da Pesca e Aquicultura em Brasília

Ricardo Neukirchner, diretor da Aquabel, profere palestra de lançamento do Plano Safra da Pesca e Aquicultura em Brasília

O rolandense Ricardo Neukirchner, Presidente da Associação Brasileira de Criadores de Tilápia (ABCT) e Diretor de Aquicultura da Sociedade Rural do Paraná, fez o discurso de lançamento do Plano Safra de Pesca e Aquicultura, no Palácio do Planalto na quinta-feira 25 de outubro. A cerimônia contou com a presença da presidenta Dilma Rousseff, de ministros e governadores de Estados, entre outras autoridades.

Prioridade na Aquicultura

Em seu discurso, Ricardo Neukirchner falou sobre as expectativas de crescimento e o potencial do setor, junto com o respeito com a questão ambiental.  ”Com investimentos em tecnologia e em produção, podemos baixar o valor do custo de produção e conseqüentemente o valor do peixe para o consumidor, fornecendo alimento saudável e barato para a população.A Aquicultura é a única saída para resolvermos o problema da fome junto com o apoio do Governo”, afirmou ele. Nesse pensamento, Neukirchner foi acompanhado por Gleisi Hoffman, chefe da Casa Civil, Marco Maia, presidente da Câmara, e pelo Ministro Marcelo Crivella, que vêem como prioridade o investimento na Aquicultura no atual Governo.

Segundo a presidenta Dilma Rousseff, o setor de pesca e aquicultura sempre terá recursos para aumentar sua produtividade. “O que o governo está fazendo é formalizar a atividade da pesca e dar condições objetivas para transformar nosso potencial em atividade econômica competitiva e lucrativa”, declarou.

O plano prevê investimentos na indústria da pesca da ordem de 4,1 bilhões de reais até 2014, sendo necessário o incentivo da pesca no País para superar os entraves enfrentados pelo setor e ainda busca ações como o aumento de crédito aos pescadores, assistência técnica, formação de cooperativismo e investimentos na melhoria nas condições de armazenagem e comercialização.

Outro objetivo do Plano é a escavação de 60 mil tanques que 78,5 [...]

Por |outubro 25th, 2012|Noticias|0 Comentários|